Panqueca: uma comida cheia de memória


Outro dia, pedi para os meus seguidores no Instagram me falarem qual era a sua receita afetiva e uma seguidora me respondeu panqueca. Imediatamente, tive vontade de fazer e me lembrei de algumas coisas: que eu estava com vontade de comer panqueca fazia algum tempo, que eu amo panqueca, que foi uma das primeiras receitas que reduzi só pra mim e que fazia muito tempo que queria fazer pra postar, então, fiz logo no dia seguinte.

Ao pegar a receita (no meu caderno de receita que tentei fazer anos atrás), vi que ela havia sido registrada já reduzida. Quando comecei a fazer, muitas memórias me vieram à cabeça, lembrei que era uma das poucas comidas que minha mãe não gostava de fazer, mas fazia com todo amor e carinho quando eu pedia, e era uma comida feita sempre a quatro mãos, ela fazia a massa e eu colocava o recheio. Que boa lembrança, sou capaz de visualizar minha mãe colocando a massa no prato e eu enrolando. A primeira sempre dava errado... rs. Obrigada, @mllycm, por ter me proporcionado essas recordações.

O recheio que fiz foi de carne moída, mas você pode usar o da sua preferência, essa é uma boa forma de aproveitar aquelas sobras de carne que ficam acumulando na geladeira.

Agora, vamos ao que interessa: a receita. A receita rendeu cerca de 10 panquecas pequenas, usei minha omeleteira pra fazer, que é bem pequena, tem 14 cm. Comi metade e congelei o restante. Ah, uma dica muito importante para receitas que usam liquidificador, coloque sempre os líquidos primeiro e depois os sólidos, assim fica mais fácil pra bater a massa.

Ingredientes
Panqueca
1 ovo
1 copo de leite
1 copo de farinha de trigo
1 colher de sopa de óleo
1 colher de chá de fermento
sal a gosto

Recheio
120g de carne moída
1/4 de cebola
1 alho pequeno 
1/4 de tomate
1/4 de pimentão pequeno
Azeite, cheiro verde, sal e pimenta do reino a gosto

Molho
1/3 de xícara de tomate pelado
2 colheres de chá de manteiga
1/2 cebola pequena
1 fio de azeite

Modo de preparo
Recheio
  1. Pique o alho, a cebola, o pimentão, o tomate e o cheiro verde;
  2. Leve uma panela pequena ao fogo, coloque um pouco de azeite e a cebola, quando dourar, acrescente o alho;
  3. Coloque a carne e refogue bem, tempere com sal e pimenta do reino;
  4. Acrescente o tomate, o pimentão e o cheiro verde, espere a carne cozinhar, mexendo de vez em quando, não precisa adicionar água, ela cozinha no próprio líquido;
  5. Cozinhe até reduzir o caldo.
Molho
  1. Enquanto a carne cozinha, faça o molho;
  2. Pique a cebola;
  3. Leve uma panela ao fogo, coloque a manteiga e um fio de azeite, acrescente a cebola e deixe refogar um pouco;
  4. Coloque o tomate pelado e tempere com sal e pimenta do reino;
  5. Deixe ferver e engrossar um pouco, apague o fogo.

Massa
  1. Bata todos os ingredientes no liquidificador até obter uma massa homogênea;
  2. Leve uma frigideira ao fogo, de preferência anti-aderente, coloque um fio de óleo, quando aquecer, coloque massa suficiente pra cobrir o fundo, espere a massa firmar bem (a massa se solta do fundo da frigideira) e vire;
  3. Retire da frigideira, espere esfriar um pouco, coloque o recheio numa das extremidades e enrole;
  4. Repita esse procedimento até acabar a massa;
  5. Coloque as panquecas num refratário, jogue o molho de tomate por cima, salpique queijo ralado e leve pra gratinar. 
Bom apetite!!!
 

Comentários