Sábado é dia de fazer bolo!



Como diz Rita Lobo: "Com um bolo na mesa, uma casa é um lar". Aprendi com minha mãe, que aprendeu com minha avó, que sábado é dia de fazer bolo. Cresci vendo minha mãe fazer bolo dia de sábado e sempre que chegava na casa de minha avó, aos domingos, tinha bolo, bolo este, produzido no sábado. Tem coisa melhor que acordar domingo e ter um bolinho para tomar café da manhã?! Hummm... A-do-ro! Eu amo bolo e amo fazer o bolo, é o que mais gosto de fazer na cozinha, é uma terapia. Certa vez, meu pai me ligou no sábado e perguntou: "fez bolo hoje, minha filha?", respondi: "Não, painho, não tenho batedeira". Alguns dias depois, vim à casa dos meus pais e encontrei uma batedeira à minha espera! Pense num presente que gostei! Pronto, o bolo do sábado estava garantido. Surgiu, então, o segundo problema: o tamanho do bolo!
Originalmente, a receita que tenho pede três ovos, dá uma forma de bolo tradicional, que é grande para uma pessoa só, e não tem como fazer a metade da receita (como dividir um ovo ao meio?). Então, pensei em fazer um bolo com dois ovos, ou seja, 2/3 da receita. Para isto, tive que utilizar dos meus conhecimentos matemáticos para adaptar a receita, por isso, que ela tem medidas como 1/3 e 2/3 de xícara (é importante ter conjunto medidor de xícara ou um copo medidor para executá-la. Conjunto medidor é um utensílio pra lá de útil quando o assunto é cozinhar, você não vai se arrepender de adquirir um). Para ter noção do tamanho do bolo, na foto, ele está em um prato de sobremesa. 
Para começar, a primeira regra para fazer um bom bolo é usar os ovos e a manteiga em temperatura ambiente, todos os ingredientes do bolo devem estar na mesma temperatura para evitar o choque térmico entre eles. Se isso não ocorrer, o bolo desanda e ninguém merece um bolo solado.
Essa receita de bolo é de um bolo básico e é infalível, todas as pessoas para quem eu já passei conseguiram executá-la. Veja aqui como fazer bolo de outros sabores utilizando essa mesma receita.

Ingredientes
2 ovos
2 colheres sopa bem cheias de manteiga (100g)
2/3 xícara chá de açúcar
1 1/3 xícara chá de farinha de trigo com fermento
130 mL de leite de coco
Manteiga para untar e farinha de trigo para polvilhar a forma

Modo de preparo
  1. Na batedeira, coloque a manteiga e bata até que ela fique clara. 
  2. Em seguida, acrescente o açúcar e bata até que forme uma massa macia e esbranquiçada (o segredo do bolo macio é bater bem a manteiga, você deve bater até perceber que ela não vai clarear mais, quanto mais você bater a manteiga, mais fofo ele fica).
  3. Enquanto você bate a manteiga e o açúcar, pré-aqueça o forno em 180°C e passe manteiga (unte) e farinha de trigo (polvilhe) na forma de anel. Você deve cobrir toda a forma com manteiga e a manteiga com farinha de trigo (um pincel ajuda muito nessa tarefa, é outro utensílio bastante útil, na falta dele, use um guardanapo).
  4. Diminua a velocidade da batedeira e acrescente os ovos um a um (quebre cada ovo separadamente em uma vasilha e depois acrescente à mistura, assim, se um ovo estiver estragado, você não perde a receita). 
  5. Bata mais um pouco até que a massa fique homogênea e o aroma do ovo não esteja muito pronunciado (Não bata muito o ovo, pois a tendência é a massa ficar líquida e isso deixa o bolo duro).
  6. Desligue a batedeira, com a ajuda de uma espátula misture a farinha de trigo peneirada e o leite de coco, misture bem e coloque na forma (Se você utilizar farinha de trigo sem fermento, acrescente uma colher de sobremesa de fermento).
  7. Para fazer o bolo mesclado, como o da foto, coloque metade da massa na forma e, na outra metade, acrescente uma colher de sopa de chocolate em pó ou cacau em pó ou achocolato em pó, misture e jogue por cima da parte branca (se quiser um bolo mais achocolatado, deixe a massa mais escura, menos achocolatado, deixe a massa mais clara).
  8. Leve ao forno por cerca de 40 minutos, até o bolo ficar dourado. Espete um palito, se ele sair limpo, o bolo está bom. O tempo de forno varia muito de um forno para outro, então fique de olho no forno. 
  9. Ao retirar o bolo do forno, coloque sobre uma superfície fria, nunca coloque em cima do fogão, pois o calor do forno não é bom para o bolo.
Pronto, agora é só passar um café para acompanhar uma fatia de bolo quentinha. 
Ôh delícia!!!
Bom apetite!!!


Comentários

  1. Eita July, eu penso a mesma coisa sobre bolo, tenho um prazer enorme e fazer, e chamo de BOLOTERAPIA����
    E mais, ninguem deve manda eu fazer, tenho q sentir vontade, e como poesia, tem q vir a inspiraçao. Mas teu tua receita ta dificil p mim. Gosto mesmo eh dos textos q acompanham as receitas������

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Boloterapia mesmo, tia!! Adorei a comparação com a poesia, é pura inspiração!
      Que bom que gosta dos textos!! beijos

      Excluir
  2. Receita bem simples e prática!
    Seu texto deixa a receita mais saborosa ainda, pois remete a família, lar, e domingo naquele café matinal que só as vovós e as mainhas sabem fazer!!
    Parabéns pelo blog, e quero mais receitas viu!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, primo!!
      Gosto de saber que o meu texto deixa a receita mais saborosa e remete à família!!
      Mais receitas virão!! rs

      Excluir
  3. Café da manhã de domingo com bolo é sempre muito bom! A receita é mesmo infalível.

    ResponderExcluir
  4. Vou tentar fazer, com tantos detalhes e dicas fica mais fácil, por que só consigo fazer massa pronta ! Mais July estou ansiosa por a receita do seu macarrão��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faz e me conta o resultado!
      Vou postar a receita do macarrão em breve!!!

      Excluir

Postar um comentário